Penápolis, Terça-Feira, 21/11/2017 PrincipalFale conosco
Busca
Principal Sobre o Santuário Os Freis Evangelho do dia Horários Notícias Fale conosco
 
Cadastre seu e-mail e receba uma mensagem de paz em sua caixa postal todas as semanas
Nome
E-mail
Notícias e Comunicados

MAIO MÊS DE MARIA- 08/05/2013

MAIO, MÊS DE MARIA

           

 

            Maio é um mês muito alegre, especialmente, para nós que amamos a Mãe de Jesus. É o mês das mães, dos trabalhadores, das flores e das crianças vestidas de anjinhos, homenageando Àquela que é considerada a Arca da Nova Aliança. Até a natureza colabora com essas homenagens, proporcionando-nos um clima ameno e perfumado, para celebrar a Mulher que, mais que qualquer outra pessoa, procurou seguir o ensinamento de Jesus: “Sede perfeitos como o Pai celestial é perfeito

            Todos os anos é comum em nossas comunidades, durante o mês de maio, refletirmos sobre o papel de Maria no plano de Deus. A mensagem central do Novo Testamento é Jesus, o Cristo. Os Evangelhos recordam os principais fatos e palavras de Jesus, à luz da ressurreição do Senhor e da atuação do seu Espírito na comunidade. Maria sempre aparece nos Evangelhos em referência a Jesus e à comunidade de seus seguidores

            A devoção mariana é plantada sobre os pilares da nossa . Antes de voltar para o Pai, Jesus deu-nos Maria como nossa Mãe. Deixou-a como um presente e modelo a ser seguido, se quisermos viver de acordo com a vontade de Deus, na plenitude do Espírito Santo. Esta é a beleza da católica. Temos uma mãe que nos acompanha. Não somos filhos de chocadeira. Somos filhos de Maria, pois o Cristo no-la deu como Mãe, conforme relata o Evangelho de  João, capítulo 19, versículos 25 a 27.
            Maria é a primeira entre os cristãos que confia e espera a salvação. Ela é a flor mais preciosa da humanidade. Nela que a humanidade é um jardim não é um jardim, terra boa, pois produziu a flor mais bela e pura, a criatura que viveu a santidade em plenitude. Maria foi a primeira cristã a ser educada pela presença do Espírito de Deus. Através do Espírito Santo, Maria, que na língua hebraica quer dizeramada de Deus”, foi se transformando em bondade, mansidão, compreensão, silêncio e amor.
            Na Anunciação, a Virgem Maria entregou-se completamente a Deus, manifestando de forma perfeita a obediência da , porque acreditou quenada é impossível a Deus”. Pela , Maria acolheu o anúncio e a promessa trazida pelo Anjo Gabriel, o mensageiro do Altíssimo. Maria foi e sempre será um exemplo de doação, por ter colocado a própria vida à disposição de Deus. “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra” (Lc 1,38). A Anunciação a Maria inaugura a "plenitude do tempo" (Gl 4,4), realiza a Nova Aliança e dá início à Boa Nova do Evangelho. “Para ser a Mãe do Salvador, Maria 'foi enriquecida por Deus com dons dignos para tamanha função”(Catecismo da Igreja Católica).
            "Bem-aventurada és tu que creste, pois se hão de cumprir as coisas que da parte do Senhor te foram ditas!" (Lc 1,45). Na grandeza de sua e com o coração aberto, Maria aceitou plenamente a vontade de Deus. Em virtude dessa , todas as gerações a proclamarão Bem-aventurada. Com Ela aprendemos que o importante não é entender os planos de Deus na nossa vida, mas nos entregarmos a Ele.
              Maria é peregrina na .  O sim, pronunciado na juventude, se renova muitas vezes no decorrer da sua vida. Ela passa por crises e situações desafiadoras, que a fazem crescer e caminhar sempre mais na adesão ao Senhor. Ela também nos recorda que Deus escolhe preferencialmente os simples e humildes para iniciar o Reino de Deus.

             Maria é perseverante na até o fim. Maria aparece no início da missão de Jesus, em Caná (Jo 2,1-11), e faz parte do pequeno grupo que, mesmo em meio à perseguição e crucificação de Jesus, permanece fiel. Ela é corajosa discípula de Jesus.     

            Maria é “Discípula-Mãe”. Ela leva os servidores a realizar o que Jesus lhe diz, mas ao mesmo tempo, nos ensina atitudes de disponibilidade ao Reino de Deus e sensibilidade para com os pobres e pecadores.Assim, os traços de Maria inspiram atitudes de vida de cada cristão e da Igreja. Sentimo-nos chamados a ser discípulos fiéis de Jesus, ouvindo, acolhendo, guardando no coração e praticando sua Palavra.        Maria é um convite a renovarmos nosso sim em meio às crises por que passamos. Ela nos ensina que um coração alimentado por Deus sabe ser agradecido por tantas dádivas que Ele dispensa em nosso meio. Um coração repleto de dons recebidos se empenha pela construção de uma sociedade justa e solidária, construindo o projeto de Deus para o mundo.

            Que neste de maio, mês das mães, vivamos a plenitude do amor revelado por Jesus e vivido por Maria.

                                                                                                                Frei Adalto Antônio

 

 
 
Principal Sobre o Santuário Os Freis Galeria de Fotos Horários Notícias Fale conosco  
 

Este site foi visitado 227624 vezes.

© 2009 Santuário São Francisco de Assis - Penápolis. Todos os direitos reservados.